Você está em: Página Inicial > Artigos > Salto- A perfeita Harmonia
Esporte
Publicado em 06/03/2018 Comentários

Salto- A perfeita Harmonia

É a modalidade olímpica que mais atrai espectadores, pela praticidade de assistí-la , pelas belezas e colorido dos obstáculos.

É a modalidade olímpica que mais atrai espectadores, pela praticidade de assistí-la , pelas belezas e colorido dos obstáculos. Por ser disputada em pista de grama ou areia, pela organização da prova no tocante a horários, ordem de entrada dos conjuntos na pista, o silêncio dos espectadores durante o percurso, o perfeito entrosamento entre cavalo e cavaleiro, o cerimonial de premiação e finalmente com o galope da vitória aonde os vencedores percorrem toda pista ao galope reunido, ao som de música próprias para ocasião.

O hipismo foi um esporte básico nos jogos da Grécia Antiga e na Idade Média, onde a equitação teve um grande desenvolvimento. Sua origem está na caça à raposa, quando os cavaleiros perseguiam os animais saltando cercas, rios e troncos.

Nas provas de salto o movimento progressivo com o qual o cavalo levanta-se subitamente do solo, projetando-se para cima e para frente ou em profundidade. Pode ser executado ao passo, ao trote ou a galope ou também partir da imobilidade. É magnífico.

A prova de salto consiste em superar, sem cometer faltas uma série de obstáculos  que serão convertidos em pontos perdidos, que são:

  • Derrubar um obstáculo ou parte dele (queda de varas).
  • Desobediência do cavalo ou refugo (parar).
  • Queda do cavaleiro ou do cavalo.
  • Erro de percurso.
  • Ultrapassar o tempo concedido da prova.

 

Tipos de obstáculos:

a)     Verticais (foto1) que pode ser (grades, muros, cancelas, varas).  

Por ser obstáculos sem profundidade, o cavalo só necessita fazer um esforço ascendente para ultrapassa-lo.

B) Largura (foto 02). Sua dificuldade é maior do que a do verticais, pois necessita de um duplo esforço para o salto na altura e na extensão.

c) Rio (foto 3) é um obstáculo de largura formado por um fosso de água com um anteparo no lado da impulsão de 50cm, altura máxima que fixa a atenção do cavalo. Sua largura não deve exceder a 4,50cm.

d)Combinados (foto 4) são compostos de dois, três ou mais obstáculos, que exige mais de um esforço sucessivo. São formados por verticais cujo combinação não pode ser inferior a 7m  e nem superior a 12m de distância.

 

   O percurso a ser percorrido pelo conjunto (cavalo/cavaleiro) será na ordem mínima de 350 metros/minutos.

Artigo escrito por Deolir Dall’Onder para a Revista Acontece sul, ano XIV Número 148.

Artigos que você possa estar interessado:

Deixe seu Comentário: