Você está em: Página Inicial > Artigos > Jappeloup: campeão olímpico
Hipismo
Publicado em 12/02/2013 Comentários

Jappeloup: campeão olímpico

Dirigido pelo canadense Christian Duguay, o filme relata a histórica conquista da medalha de ouro individual no Salto nos Jogos de Seul, em 1988.

Mais uma história de cavalo conquista espaço nos cinemas. Agora é a vez de Jappeloup, cavalo de sela francesa de apenas 1,58m de altura, que conquistou a medalha de ouro olímpica na modalidade de Salto nos Jogos Olímpicos de Seul, em 1988.

Com sua pequena estatura, grande coragem e forte caráter, o pequeno cavalo negro ainda conquistou ao lado de Pierre Durand (cavaleiro de Jappeloup) a medalha de bronze por equipes em Seul, além do vice-campeonato na Copa do Mundo em Gotemburgo no mesmo ano, a medalha de ouro individual e de prata por equipes no Campeonato Europeu de 1987 e o Campeonato Frances em 1982 e 1986.

Jappeloup de Luze, nasceu em 1975, filho de Tyrol II (French Trotter) e Venerable (Puro Sangue Inglês), morreu de ataque cardíaco na cocheira em 1991, dois meses após a cerimônia de sua aposentadoria aos pés da Torre Eiffel em Paris, aos 16 anos de idade.

O filme é uma produção francesa/canadense de 2011, com lançamento previsto para 13 de março de 2013 em Paris. Realizada pelo diretor canadense Christian Duguay com o ator e diretor francês Guillaume Canet no papel de Pierre Durand – cavaleiro de Jappeloup.

O produtor do filme, Pascal Judelewicz, apaixonou-se pela história de Jappeloup com o livro “Jappeloup / Milton – Deux chevaux de légende” de Robert Laffont, em 1996. Após 10 anos, a filha de Pascal trouxe a história de volta à tona ao se apaixonar pela equitação, e assim nasceu Jappeloup, o filme.

 

Artigos que você possa estar interessado:

Deixe seu Comentário: